DA REINVENÇÃO DA ESPERA

Hoje
Eu só quero
O teu abraço,

Só.

Pra lembrar que não preciso
Ter medo no escuro
Que a paz é fruto apenas do amor
- Em estado puro -
E que basta o amparo do silêncio
Para tudo irradiar mais vivo:
É nos teus olhos que mora o meu sorriso.

E não importa a despedida breve
O tempo, o enredo ou a errância:
Tudo se encolhe no arrepio da pele
Que guarda do amor,
- O desejo -
Pra recriar esperança.

Comentários

MAIS