IMAGO

Volta
Senta aqui do meu lado
E me ensina
- de novo -
Como é descobrir
A felicidade irradiada
Pelos teus braços
E a força que eu só encontro
Nos teus olhos
De fogo.

Volta
Deixa a minha vontade
Se aconchegar no teu beijo,
- aquele que começa na nuca -
Me faz acreditar nos versos
Que a chuva relampeja
Rasgando os céus de ponta à ponta.

Volta 
Reencontra em teu lugar
A poesia que nunca te deixa
- como resposta -
Toma posse das cores, das luzes
E dessas tantas vozes,
- Que insistentes -
Cantam a insônia à tua porta.

Volta
Pro estado íntegro do meu amor
- Que sequer veio -

Volta
Nem toda travessia
É feita por mar:
Deixa a água parar,
E faz dela, espelho.

Comentários

MAIS