DE-EXISTO

Meus poemas
Fogem
E pedem resgate

Me juram a liberdade
De nada esperar
E cronometram no tempo
O seu ritmo.

Meus poemas
Só existem
                  Se desisto.

Comentários

MAIS