LE RETOUR DE LA ROUGE

Estou de volta:
E mais!
Voltei de cósmica abdução re-inventiva
Estou de volta à aldeia instantânea da minha vida
Um tanto mais bucólica
Não mais carbônea
E em tinta de insônia
Adormeço o vasto
- Que resume em falso -
O teor da minha lida!

Eu lido é com a vívida expressa
Na cor que vibra a promessa
De não mais arrefecer diante à dúvida.
Entre odes e certezas que tenho
Há apenas o pacto tão sigiloso em denúncia:

Estou de volta
E agora
Já posso ganhar o jogo...

"Não contavam com minha astúcia"!

(Paris - Outubro/10)

Comentários

  1. Querida, sempre apostei na sua astúcia. Na verdade, ela sempre desfilou impávida na avenida de seus motivos mais urgentes: Os de sobrevivência. Um beijo

    ResponderExcluir

Postar um comentário

MAIS