AO VALENTE VALETE E OUTRAS ASTÚCIAS

Perecível...
Parece crível
A tua vasta oferta
De pecado.

Não um gosto
Talvez dois ou três
E tudo o que jamais se foi
Agora imerso no depois
Desfalece em próprio rastro .

Tanta mesa posta
Tanta resposta
Para novos extratos
Nesta vasta
Estratosfera poética
Que nunca
Mas além do mais
Nos basta
À vida.

Artista
Meu apreço de poeta
Que ainda assim se proclama
Uma dama
Ademais da lira e do escárnio
Há o drama que pulsa a vida
Tal o sabor oculto no damasco.

Comentários

MAIS