UNICIDADE

Tento existir
Na exterioridade
Da minha palavra

Em vão.

Cada cor que recorto
Em meu mote
"Tem sangue eterno"
Mas apenas uma das asas ritmada.

A outra se quebrou.

Só assim
A lira
Não me exata.

Comentários

MAIS