SÊ MEADO

Entre Rios poluo...
Mãos de luva a apodrecer sementes.
Se a margem espia em teu conluio fundo
Encontro-me rasa ao te banhar correntes.
Se de fluente cravo em teu mergulho o rumo
Melhor te tenho bravo a percorrer mais gente.

Comentários

MAIS